Quem Somos
Embaixadores
Promoção de Produtos Certificados
Lenços de Namorados
Olaria de Barcelos
Figurado de Barcelos
Bordado de Guimarães
Bordado de Viana do Castelo
Renda de Bilros
Destaques
GIP-adere
Dinamizar
Formação para Empresários "Medida 3.1."
Aponte para o Gerês
PICA (Promover a Igualdade Construindo Alicerces)
Formar Para A Igualdade
Postais Lenços de Namorados
Viveiro de Artesanato
Bonecas Biotradicionais
Facebook
Newsletter
Subscreva a Newsletter Adere-Minho para ficar a par de todas as nossas novidades.
Pesquisar
Prémios do site

designersdepot

09.jpg
Adere-Minho assinala do Dia Internacional da Mulher sob lema "A Importância da Mulher nas profissões"
Sexta, 06 de Março de 2015

A ADERE-MINHO, em parceria com a Junta de Freguesia de Soutelo, assinalou hoje o Dia Internacional da Mulher (celebração a 8 de Março). O evento, presenciado pelas crianças da EB/JI da Cruz - Soutelo, contou com a participação de seis artesãs bordadeiras de Lenços dos Namorados do Minho  - Camila Silva, Céu Cunha, Conceição Pimenta, Laura Fernandes, Rosa Lopes e Sameiro Leão - e do cantor de raíz popular Zé Perdigão. Na abertura do evento, a anfitriã Teresa Costa, Directora-Geral da Adere-Minho, relembrou a origem histórica desta data nas lutas operárias por melhores condições de trabalho, ocorridas na segunda metade do Século XIX, em Nova Iorque, salientando, porém, que "somente em 1975, a data foi oficializada pela Organização das Nações Unidas (ONU)", acrescentando "hoje, apesar de todos os obstáculos que já derrubamos, ainda vivemos num mundo desigual. As, Mulheres, continuam com salários médios 13% mais baixos, com menor acesso aos lugares de topo nas organizações públicas e privadas, com desvantagens na gestão da vida pessoal e profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para modificar nesta história". Seguiu-se, num ambiente descontraído e informal, uma tertúlia entre as seis artesãs convidadas, que, sob o olhar interessado dos alunos da Escola EB/JI da Cruz (Soutelo), deram o seu testemunho como mulheres no mundo do trabalho artesanal. Conceição Pimenta, de Viana do Castelo, "desde pequena aprendeu a bordar" e, depois de outras experiências profissionais, dedicou a sua vida aos bordados dos Bordados de Viana do Castelo e dos lenços de Namorados do Minho, descrevendo-se como "uma mulher feliz". Sameiro Leão, bordadeira há mais de 50 anos, residente no concelho de Amares, , mostrou um pequeno coração bordado especialmente para esta ocasião,  simbolizando "o grande coração que as mulheres têm e o carinho que merecem”. Todas se mostraram o gosto por esta profissão e Rosa Lopes disse aos meninos “Gostava que alguns de vocês, quando fossem mais velhos, aprendessem a minha arte”.

ZP 5

ZP 4 ZP 6

.